Operação Hefesto: Justiça retira tornozeleira eletrônica de três mulheres | Morro da Fumaça Notícias
Fumacense
Geral

Operação Hefesto: Justiça retira tornozeleira eletrônica de três mulheres

GABRIELA RECCO

Em despacho na tarde desta terça-feira (23), o juiz Roque Lopedote, da 2ª Vara da Comarca de Urussanga, determinou a retirada do monitoramento eletrônico de três mulheres suspeitas de envolvimento na Operação Hefesto.

A decisão da justiça acontece menos de uma semana depois de o Superior Tribunal de Justiça (STJ) acatar Habeas Corpus apresentado pelos advogados Jefferson Monteiro e Aline Becker de Castro, colocando em liberdade os acusados. Com a decisão de hoje, todos os nove presos durante as duas fases das investigações estão em liberdade.

Vanessa Zanatta
Costa Serviços Contábeis
Posto Pellegrin
Soller P
Couto e Cechinel advogados
Daiani Salão de Beleza

No despacho, Lopedote mantém as mesas proibições dos demais acusados quanto a entrar em contato com os corréus, testemunhas arroladas no processo e funcionários do CTG Herança do Velho Pai. Também manteve a suspensão das atividades no CTG e frisou ainda a necessidade de comparecer em Juízo sempre que intimado, proibindo os suspeitos de se ausentarem da cidade onde residem sem autorização judicial e não mudarem de endereço sem prévia comunicação. Por fim, determina o recolhimento domiciliar noturno, no período compreendido entre 22h e 6h, bem como nos finais de semana e feriados.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cermoful
Topo