Centro de Serviços Compartilhados: eficiência na gestão de negócios | Morro da Fumaça Notícias
Prefeitura Senai Cursos
Economia

Centro de Serviços Compartilhados: eficiência na gestão de negócios

FRANCINE FERREIRA / ASSESSORIA DE IMPRENSA

Estrutura, como a implantada com a criação do Grupo EZOS, permite unir setores estratégicos para a administração de diferentes empresas.

Uma única estrutura que, visando promover uma maior eficiência na gestão dos negócios, une em um só local, setores estratégicos para a administração de diferentes empresas ao mesmo tempo. Essa é, de forma geral, a definição de um Centro de Serviços Compartilhados (CSC), como o implantado com a criação do Grupo EZOS, no município de Criciúma, em outubro de 2020.

RAC Selo
Layze Guollo
Sicredi
CDL Morro da Fumaça
Posto Pellegrin
Costa Serviços Contábeis

Inclusive, na época, o CSC do Grupo EZOS tornou-se a primeira estrutura do tipo oficialmente implantada no Sul catarinense. Com o início do grupo econômico, ele unificou diversos setores que não eram diretamente ligados às atividades fim de cada empresa pertencente à holding, tais como: contabilidade, controladoria, financeiro, marketing, jurídico, TI e recursos humanos.

“Por meio dessa estrutura, buscamos nos tornar referência em gestão empresarial no Sul catarinense, uma vez que este modelo é bastante utilizado por grandes companhias nacionais e multinacionais. Com a existência de um Centro de Serviços Compartilhados, as diferentes empresas de um grupo econômico, como no caso do EZOS, podem focar exclusivamente em suas áreas específicas de atuação, investindo todas as energias para o crescimento das marcas”, explica o diretor do CSC do Grupo EZOS, Ricardo Regado.

Em funcionamento desde outubro do ano passado, os primeiros meses de trabalho do CSC do Grupo EZOS têm sido, principalmente, de conhecimento e integração de equipes. “Nosso grande desafio está sendo a troca do sistema interno e, consequentemente, o desafio de trazer para dentro do novo sistema o modus operandi que vinha sendo usado anteriormente, porém de forma compartilhada, onde um negócio pode colaborar com o outro”, completa Regado.

Integração

Um bom exemplo de integração entre negócios, que tem gerado resultados bastante positivos, diz respeito à Mark At Place, mais uma das empresas do Grupo EZOS, em formato de loja conceito, inaugurada no Criciúma Shopping, no último mês de dezembro.

“Essa loja só pôde ser concebida pelo fato de termos a estrutura do CSC já operando, o que tornou a abertura muito mais simples, uma vez que possuía acesso aos setores de contabilidade, financeiro, gestão, marketing, comunicação, entre outros, próximos e prontos para prestar os serviços necessários”, reforça o diretor.

Próximos passos

Para 2021, dois passos essenciais, já elencados em planejamento estratégico, deverão ser dados pelo CSC: a implantação de um setor de Recursos Humanos Estratégico e o mapeamento dos processos, que futuramente permitirá a implantação de auditorias internas.

“Resumidamente, estamos em um momento de autoconhecimento e estruturação, para que no futuro possamos ter a possibilidade de oferecer esse serviço também para empresas de fora, que não necessariamente estejam dentro do nosso grupo econômico”, finaliza Regado.

Sobre o Grupo EZOS

Da união de gestão de tradicionais empresas do Sul de Santa Catarina, nasceu em 2020 o grupo econômico EZOS, com um sistema de gestão inovador, por conta da criação do primeiro Centro de Serviços Compartilhados do Sul catarinense.

A Fumacense Alimentos, reconhecida nacionalmente com as marcas Kiarroz e RisoVita; a JS Empreendimentos, uma incorporadora referência estadual em loteamentos e condomínios horizontais; o Criciúma Shopping, local que reúne gastronomia e entretenimento para as famílias do Sul catarinenses; e a Mark At Place, uma loja conceito estruturada dentro do Criciúma Shopping, são os grandes negócios geridos pela holding.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cermoful
Topo